Milagre pequenino

O dia não começa bem e continua pior ainda. O tempo ruim estraga meu humor. A falta de “bom dia’s” desestimula minha simpatia. As tarefas me deixam exausta ou a falta delas é responsável pelo tédio agonizante.

A conta está quase no vermelho. A saudade está mais que apertando meu coração. A ansiedade me rouba minutos preciosos de sono. A preguiça me torna inútil. A falta de comunicação converte meu lar em um ambiente inóspito. A cobrança me deixa louca aos poucos.

Minha unha quebra. Meu cabelo cai. Minha calça não entra. Meu salto entorta.

E aí que tudo some, desaparece num piscar de olhos. Ou melhor, é como se nada tivesse acontecido…

É um riso singelo, beirando o silencioso, mais alegre e mais sincero que todos os outros.
É fantasia. É luz. É esperança. É recomeço. É milagre.

É o que me revela um maior propósito: causar sorrisos assim pelo resto dos meus dias!

 

“Sorria mais, criança, pra não sofrer
Eu vi você, criança, no alvorecer
O sol se abrindo aos encantos de uma flor
Realizado o sonho de um grande amor
(…)
Nos braços meus criança, eu embalei
E aprenda lutar pela vida pra se prevenir
Conheça todas as maldades pra não se iludir
Espalhe amor por onde for
Quem sabe amar destrói a dor”
(Sorriso de Criança – Dona Ivone Lara)

Anúncios

Uma opinião sobre “Milagre pequenino

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s