Coisas que eu sempre quis pedir ao Papai Noel

Querido Papai Noel,

Sei que pode parecer estranho uma moça do meu tamanho escrever uma carta ao bom velhinho, principalmente se levarmos em conta que eu nunca o fiz quando ainda poderia ser considerado normal. A realidade é que nunca achei necessário gastar um pouco de tinta de caneta pra pedir os simples presentes que eu costumava ganhar e, convenhamos, eu sempre fui uma boa menina, implorar por alguns brinquedos seria desnecessário, não é?

Mas antes que o senhor pense que fiz descaso da sua caixa postal durante todos esses anos, me defendo dizendo que na primeira e única vez que tentei ser uma criança mais presente nas suas lembranças, trinquei meu pulso direito e manipular uma caneta com um gesso nada confortável era tarefa quase impossível. Naquele ano passei o Natal sem meus cadernos e lápis de cor (que era o que eu pedia sempre) e também sem meu cachorrinho de estimação eletrônico, pois a carta inédita jamais foi escrita!

Mas o importante é que sempre há uma chance para se redimir e creio que chegou minha hora.

Sabe quando você parece ter praticamente tudo o que quer? Esse ano eu fui um exemplo de boa menina: estudei bastante, arranjei um emprego, saí, arranjei outro…tô me virando. Resolvi dar uma chance às amizades novas e não me arrependo nem um pouco. Consegui manter as amizades antigas (mas só as que valiam a pena, senão não há Raíssa pra todos!), fui sincera quando necessário, às vezes um pouco rude, mas soube me desculpar e seguir em frente. Torci por aqueles que me importo e vibrei com as conquistas. Resumindo, foi um ano produtivo.

Analisando tudo isso, não me sobre uma lista grande de coisas a pedir. Todavia, o que eu quero mesmo é um Natal bem com cara de novela, viu? Quero minha família toda reunida, trocando presentes, rindo e relembrando das histórias antigas mais engraçadas. Quero uma oração quando o relógio estiver prestes a dar meia noite. Quero agradecimentos pela chance de estarmos juntos e, mais ainda, gratidão por sentirmos saudades daqueles que já se foram, mas ainda cumprem seu papel de encher nossos corações. Quero ir na Missa do Galo e não entender nem metade das palavras do padre, mas tomar como verdade divina as poucas que eu conseguir compreender. Quero ganhar um pouco mais de fé, de entrega, de caridade. Quero aquele sentimento que só sinto ao aceitar e me dedicar a minha religião. Quero muitas coisas, Noel, muitas coisas…!

Enquanto não tenho tudo isso, continuo felicíssima por todas as outras bençãos das quais desfruto. Minha família não é a mais perfeita e unida, mas sei que me amam e confiam em mim mais que qualquer outro ser humano. Meus amigos me magoam de vez em quando, mas passam a maior parte do tempo me fazendo feliz, às vezes até mais feliz do que mereço. Minhas escolhas não são sempre as mais certas, mas de uma forma ou de outra, me ensinam a trilhar o caminho mais correto.

E por fim, quero pedir uma última coisa: que o Natal de todos aqueles que me rodeiam (e os que estão longe também) seja repleto de desejos realizados, novas metas, mais aconchego, mais união e que cada um carregue dentro do peito a vontade de fazer o bem, querer o bem e ser bom o suficiente para que mereça os presentes de um próximo Natal!

E claro, que o real motivo de toda essa comemoração não seja esquecido, até mesmo para os menos religiosos. Que sempre haja alguém disposto a se entregar por nós e nos salvar. E que não tenhamos que esperar mais 2011 anos por isso!

Anúncios

3 opiniões sobre “Coisas que eu sempre quis pedir ao Papai Noel

  1. Que lindo…
    Eu ainda não consegui agradecer direito por todos os presentes que encontrei em minha árvore no ano passado e que se mantiveram nesse ano, também gosto de comemorar o Natal sem perder o verdadeiro sentido, festejar o nascimento de alguém que nos amou tanto que deu sua vida por nós.
    É esse clima tão bonito que envolve essa época, a fé que nos cerca e nos faz acreditar que tudo dará certo, a certeza de termos sido boas meninas e esperar pelos presentes, ou simplesmente agradecer pelo que temos.
    P.S: Gostei muito de um dos meus presentes que acabou chegando só esse ano: Você….Te adoro Ami
    Bom Natal pra você e pra sua família, Bom Natal pra todos nós

  2. (sabe nos filmes, quando as cartas são narradas com a voz do remetente? Foi super isso que ocorreu agora, nessa leitura…)

    Ainda continuo em falta com o velho Noel… Mas, será que ele se importaria caso eu mandasse uma cópia da tua?
    Parabéns pelo ótimo, ótimo texto Raíssa… E feliz Natal 😉

  3. Sabe quando alguém tira as palavras da sua boca (pensamento) e você não tem, simplesmente, mais nada a dizer… Pois é, eu senti isto ao ler este texto. Com toda sua simplicidade e sentimento você consegue descrever os pedidos mais importantes do Natal. Parabéns Rá, e que você continue sempre talentosa! 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s