Ar não me falta, muito menos fé

Nunca senti tanto medo na vida.

Os cachos louros e a camiseta branca tamanho 10 desapareceram e eu só enxergava tons aterrorizantes de vermelho. Aquele sangue a cobria, me cobria e cobria o asfalto. Não poupou ninguém do terror. E pela primeira vez em anos, eu perdi completamente meu ar.

Não existe soco, chute ou pontapé, nem mesmo tentativas de estrangulamento ou retirada dos meus pulmões que me façam sentir de novo aquela sensação de, num segundo, ser feliz e no outro, sentir-se praticamente sem vida.

“A culpa não foi minha, amor, eu nunca quis lhe fazer esse mal. Eu prefiro sofrer por mais de uma vida a te ver chorar. Eu não quis, meu amor, não foi de propósito.”

E até hoje aquele dia e as semanas de sofrimento que o seguiram me assombram, me tiram a noção de poder sobre a vida e a morte e me mostram o quanto sou irrelevante perante o destino e a vontade de Deus. Até hoje eu ainda me sufoco só de lembrar.

Alguns impactos serão mais fortes que aquele, eu sei. Algumas quedas arrancarão de mim uma quantidade incomparável de sangue e lágrimas. Certos traumas serão horrorosamente inesquecíveis.

Mas foi esperto quem constatou que no final tudo fica bem. Porque fica mesmo. O final pode chegar bem tarde, sem alguns companheiros e sem toda aquela quantidade de alegria, mas chega. A prova disso é que hoje eu posso enxergar genuinamente os cachos louros e a camiseta branca – agora um pouco maior – sem que nada de aterrorizante interfira. A lembrança serve pra recordar que há de se ter cuidado e, acima de tudo, há de se ter fé.

Se eu aguentei aquilo e hoje estou bem e com os pulmões repletos de ar, é porque aguento muito mais. Então deixe que as dificuldades venham, que as lágrimas escorram e que o tempo leve. Se eu perdi alguns segundos de vida antes, o futuro há de me recompensar!

 “Mas livrai-nos de todo o mal. Amém.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s